Peignoir é o resultado final do Curso de Formação Teatral 2017/2018 do Grupo Experimental de Teatro da Universidade de Aveiro. Contou com os formadores Bruno Dos Reis; João Tarrafa; Liliana Garcia; Nuno Dos Reis; Nuno M Cardoso; Rui Paixão; Teresa Queirós, que trabalharam com duas turmas e formandos estudantes, não-estudantes, e docentes da Universidade de Aveiro.

Sinopse:
Bentley é o alter-ego de um homem a quem já só falta a última desilusão: a literatura. Contra tudo e contra a Remington de escrever, vai disparando o que ainda funciona: rir.

“Ele disse:
Chegada uma certa idade
o heroísmo possível para um homem
é uma mulher
bonita
a honorários razoáveis
as grandes planícies de Morricone
estão já muito longe
no horizonte do café-bar
de uma loja de conveniência
que já não vende fulminantes
ou se calhar nunca vendeu
o cavalo
à porta veste
amarelo número um
buzinando repetidamente destino
cabaré destino.

Pela janela a linha do céu não é
Gotham
Robin
não vem atrás
nem a chuva
é branca contra o negro
da noite
o taxista
poderia muito facilmente ser
um sidekick pistoleiro
a part-time
com cara de quem trabalha
numa loja de artigos étnicos
e apesar disso sabemos
que o destino não será
o dos cabarés à séria à grande à Hollywood
com muita sorte talvez
meia-dúzia de heroinómanas
e o milagre de uma borla.”